A urina completamente clara é um motivo de preocupação? ➜ 【novembro 2018】

A urina completamente clara é um motivo de preocupação?

A urina completamente clara é um motivo de preocupação?

A urina completamente clara é um motivo de preocupação?

Quando se trata de uma urina clara, é geralmente um bom sinal. No entanto, o que significa quando a urina se apresenta completamente clara? Seria algo realmente muito bom?

A urina completamente clara é um motivo de preocupação?

De que cor deve ser uma urina saudável? A maioria das pessoas já deve ter ouvido que a ingestão de líquidos influencia, em grande medida, na coloração da sua urina. Apesar de que geralmente se espera uma colocação amarelada, também existe o senso comum de que quanto mais clara for a cor da urina, mais saudável estamos. A urina muito clara é uma urina mais diluída, e representa um indivíduo bem hidratado. No entanto, quando a urina é completamente clara pode ser um motivo de preocupação? Poderia indicar algum problema de saúde?

Cor da urina normal x anormal : o que você precisa saber?

A urina normal e saudável pode apresentar uma cor amarelo-pálido, amarelo-palha, amarelado ou um amarelo levemente mais escuro. As diferentes tonalidades apontam simplesmente para diferentes níveis de hidratação.

As pessoas que possuem uma urina de cor ligeiramente mais escura, precisam ficar atentas, pois este é um sinal de que estão pouco hidratadas e poderão precisar de um pouco mais de água em breve. Uma cor âmbar escura já é motivo de preocupação, neste caso, mostra que a pessoa já está bastante desidratada.

Uma urina que não tenha uma coloração amarelada, mas de outra cor, pode ser sinal de que é preciso visitar um médico. Apresentamos aqui uma breve lista que poderá ajudá-lo a determinar se está lidando com uma cor de urina dentro da anormalidade:

Urina laranja que lembra um xarope de boldo pode ser um sinal de problemas no fígado, especialmente se estiver acompanhada de evacuações de cor pálida e uma pele e olhos levemente amarelados. Também pode ser causada por certos medicamentos.

A urina manchada de sangue pode ser causada por infecções do trato urinário ou cálculos renais, que quase sempre também causam dor. Se a sua urina é vermelha ou cor-de-rosa e não tem dor, às vezes pode ser um sinal de câncer ou tumores não cancerosos.
Urina vermelha também pode, porém, ser simplesmente o resultado de comer certos alimentos. Se a urina apresenta cor vermelha ou cor-de-rosa  uma única vez, pode ser apenas resultado de ter se alimentado recentemente alimentos como beterrabas, por exemplo, e não é motivo de preocupação, assim que a pessoa deixar de comer esses alimentos, verá que a coloração volta ao normal.
A urina azul ou verde certamente parece assustadora. Em geral, não é tão ruim quanto parece, no entanto, a medicação e o corante alimentar são os culpados mais prováveis. Dado que o xixi azul ou verde também pode ser causado por certas infecções bacterianas e uma rara condição genética, procure um médico caso este tipo de urina persista.

Cor da urina: o que significa?

Ouvimos quase como um mantra popular a necessidade de beber água todos os dias, sem esperar estar realmente com muita sede. Observar a cor da urina, é uma atitude de preocupação com a saúde e uma postura de quem observa os sinais que o corpo dá.  Por isso, é normal ficar alarmado quando a urina é laranja, marrom, vermelha, cor de rosa, azul ou verde. Mas quando a urina está completamente clara, geralmente não é motivo de preocupação, a maioria das pessoas irá pensar que está bem hidratada e saudável. Mas será que é mesmo assim tão simples?

Na verdade, é mais complexo do que isso. Mesmo quando se bebe bastante água, a urina deve continuar apresentando uma cor amarelada, mesmo que pálida. Deste modo, não é normal que a urina esteja completamente clara. Uma urina muito clara, sem a habitual coloração amarela, pode significar que você tem exagerado com a água. Beber água excessivamente pode cortar o pigmento urocromo, que dá a cor amarela à urina, e significa que seus níveis de eletrólitos estão seriamente fora dos níveis normais.  A hidratação é uma coisa boa, mas o excesso de hidratação não o é, especialmente durante longos períodos de tempo. Uma super-hidratação pode até mesmo levar o indivíduo à hiponatremia ou níveis de sódio anormalmente baixos, que vêm com sintomas desagradáveis como náuseas, dores de cabeça, cãibras musculares, fadiga extrema e até mesmo, eventualmente, convulsões e coma.

A urina clara também pode ser um efeito secundário da medicação diurética, o que faz com que os pacientes tenham que ir muitas vezes ao banheiro. Caso esteja tomando diuréticos e a urina está completamente clara, fale com um médico para avaliar melhor as possibilidades.  Tenha em conta que o café é um diurético natural, por isso, se você não está bebendo quantidades super humanas de água ou usando drogas, mas é um “viciado em café”, provavelmente tenha encontrado a causa.
Uma última possibilidade é a diabetes não controlada. Você provavelmente já ouviu que o diabetes é acompanhada com frequência pela sede extrema. Se você está com sede, depois de beber um copo de água e não tem a certeza do porquê, a causa de sua urina clara é, obviamente, a ingestão excessiva de água, mas a diabetes pode ser a razão subjacente para a hidratação excessiva.

O que deve fazer se a sua urina for completamente clara?

Agora que você sabe que a urina completamente transparente não é, na realidade, um sinal de grande saúde, pode estar se perguntando o que deve fazer em seguida. Uma urina amarela muito pálida, considerada uma urina saudável, pode ser que quando dissolvida na água do vaso sanitário, fique ainda mais pálida. Por isso, para avaliar melhor a cor da sua urina, tal como ela realmente se apresenta, pode ser necessário usar um coletor de urina para observá-la mais de perto. Caso tenha certeza de que a urina está tão clara como a água, como poderá agir?

Quanto líquido você deve realmente estar bebendo?

Você já deve ter ouvido o conselho de beber dois litros de água por dia. De qualquer forma, o conselho é bastante fácil de lembrar, assim como: “Nunca espere até ter sede para beber água, porque neste momento, já estará na metade do caminho para a desidratação”
Este conselho está realmente correto? Os especialistas acreditam que não.
Uma equipe de 17 especialistas internacionais, trabalhou em novas diretrizes, que foram publicadas pela Revista Clínica de Medicina do Esporte, após 14 atletas aparentemente terem morrido de hiponatremia induzida por esportes. A hiponatremia, lembre-se, significa níveis de sódio perigosamente baixos. É causado por uma possível overdose de líquidos.
As pautas lhe animam a fazer algo que você tenha sido treinado para considerar potencialmente perigoso: beba somente água quando tem sede.
Lembre-se também que a escola anterior de pensamento, de oito copos de água não estava falando realmente da ingestão de água, mas sim sobre a ingestão total de líquidos. Estes fluidos são provenientes de quase tudo o que consumimos, tanto de alimentos como de outros líquidos. Até mesmo o café, que, claro, tem um efeito diurético, ainda contém água e conta para o seu total diário.
A ingestão de líquidos também não é a única atitude. Se você está fazendo exercício, o clima onde você mora é muito quente ou úmido, ou tem febre, você vai precisar de mais água do que a uma pessoa média. Felizmente, o corpo ainda tem um sistema integrado para lhe dizer quando você precisa aumentar sua ingestão de líquidos e que normalmente funciona muito bem: a sede.

Você poderia ter diabetes?

O que acontece se você sempre tem sede e não parece suficiente a quantidade de líquido que ingere? É, provavelmente, o momento de ir ao médico, especialmente se junto com a sua sede, tem micção frequente e a cor da urina for clara, além destes sintomas:
Fome persistente, também chamada de polifagia
Feridas de cicatrização lenta
Sensação de formigueiro nas extremidades
Manchas mais escuras da pele, especialmente no pescoço, nas axilas e nas áreas da virilha
Visão turva
Todos estes são sinais de diabetes tipo 2 e devem ser diagnosticados o quanto antes. Sem a medicação adequada, a diabetes tipo 2 pode levar a uma variedade de complicações, incluindo a cegueira.