Recuperação da pancreatite

Como afetam o comportamento e a personalidade da genética?
agosto 8, 2017
Como acabar com o ronco a Noite?
setembro 19, 2017

O pâncreas é uma glândula que está localizada atrás do estômago, junto ao intestino delgado. Tem duas funções principais, Secreta enzimas digestivas no intestino delgado para ajudar na digestão e produz os hormônios insulina e glucagon, que atuam na regulação dos níveis de glicose no sangue.
Recuperação da pancreatite

A pancreatite é uma doença caracterizada pela inflamação do pâncreas.
O dano ao pâncreas ocorre quando as enzimas digestivas produzidas por células exocrinas são acionados antes que sejam segregadas no intestino delgado. Isso faz com que ataquem o próprio pâncreas, provocando inflamação.
Existem dois tipos de pancreatite. A condição pode ser:
Pancreatite aguda
Este tipo de inflamação morte dura por um curto período de tempo, que vão desde leves a complicações que ameaçam a vida. Pode ser causada devido a cálculos biliares. Em casos severos, podem ocorrer danos nos tecidos, infecções e danos aos outros órgãos vitais, incluindo o coração e os rins.
Tratamento
A pancreatite aguda é tratada com líquidos como soro e medicamentos para controlar a dor que o acompanha. Se a condição toma um rumo para o pior, a morte do tecido pancreático pode ocorrer, juntamente com dano permanente a outros órgãos. Em tais casos, a cirurgia pode ser necessária para remover o tecido danificado ou morto, para evitar a propagação da infecção.
Se a causa da condição são os cálculos biliares, vesícula biliar pode ter de ser removida cirurgicamente, junto com o ducto biliar e alguma parte do intestino delgado.
Pancreatite crônica
Esta condição é uma inflamação duradoura do pâncreas e é, sobretudo, uma complicação de uma inflamação aguda. Beber álcool é uma importante causa.
Tratamento
Esta condição pode ser relativamente difícil de tratar. Medicamentos para a dor e adaptações nutricionais são recomendados em geral. Também são administrados enzimas pancreáticas e a insulina.

Regulamentos de dieta depois da recuperação
Como foi dito anteriormente, o pâncreas desempenha um papel importante na degradação enzimática dos alimentos e na manutenção dos níveis de açúcar no sangue. Portanto, depois de um episódio de pancreatite, é muito importante fazer algumas alterações nutricionais permanentes para que o corpo possa ser ajustada em conformidade.
Alimentos que devem ser evitados
Os alimentos que devem ser estritamente evitados incluem:
Gorduras saturadas (margarina, chips, biscoitos, bolachas, bolos)
Frituras
Carboidratos refinados (massas, pão branco)
Comida açucarada
Cafeína (chá, café, chocolate)
Cuidado com as alergias alimentares
Como resultado da pancreatite aguda, o corpo pode não ser capaz de fazer frente a certos alimentos, dando lugar a reações alérgicas. Portanto, os alimentos como o trigo, produtos lácteos, milho, soja, nozes, etc, devem ser consumidos com cuidado.
Parar de fumar e beber álcool
O consumo de álcool e o tabagismo devem ser estritamente proibidos. Se você é viciado em qualquer um, esta no seu melhor interesse, consultar o seu médico ou inscrever-se em programas de aconselhamento que podem ajudá-lo a superar o vício.
Optar por uma dieta baixa em gordura
Evite consumir alimentos ricos em gorduras. Estes incluem a maioria dos doces, frituras, laticínios de leite integral, nozes, manteiga, creme de leite, molhos para saladas, maionese e adoçantes artificiais.
Inclua frutas e legumes
Consumir mais frutas, legumes e grãos integrais. Alimentos como peixe, ovos, aves sem pele e feijão também são benéficos para melhorar e revitalizar o funcionamento do intestino.
Beba mais líquidos
A pancreatite pode causar desidratação, por isso, é sempre manter uma garrafa de água com você. Alternativamente, você deve beber pelo menos 6 ou 8 copos de água por dia.
Pancreatite aguda: plano de atendimento nutricional
A terapia de nutrição aguda da pancreatite esteve recebendo muita atenção ultimamente. Quase todos os pacientes que sofrem desta condição são aconselhados a seguir um plano nutricional cuidadosamente construído, que se adapta a sua condição. Centra-Se, principalmente, a inclusão de alimentos na dieta que ajudará a aumentar a sua taxa de recuperação e diminuir o seu desconforto. Também inclui tomar certas vitaminas ou suplementos, mas só depois de consultar um médico.