Bula Dropropizina

Bula Nistatina Creme Vaginal
abril 29, 2017
Bula Trok-g
abril 29, 2017

Apresentação de Dropropizina

Xarope: embalagens contendo frascos de 120 mL.
USO ADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE 2 ANOS – USO ORAL
COMPOSIÇÕES
Cada 5 mL do xarope infantil contém:
Dropropizina …………………………………………………………………. 7,5 mg
Cada 5 mL do xarope adulto contém:
Dropropizina ………………………………………………………………….. 15 mg
veículo q.s.p. ……………………………………………………………………. 5 mL
(ácido cítrico monoidratado, aroma de laranja, benzoato de sódio, sorbitol, corante amarelo crepúsculo, sacarose, água deionizada).

Informações sobre Dropropizina

A Dropropizina é um agente antitussígeno, ativo nos receptores periféricos e em seus condutores aferentes envolvidos no refl exo da tosse, não exercendo sua ação através de mecanismo central. Dependência, obstipação ou depressão respiratória não costumam ocorrer com doses terapeuticamente ativas. A Dropropizina não produz broncoconstrição. Possui alguma atividade anti-histamínica, possivelmente útil em casos de tosse associada a alguma condição alérgica. Isto explica porque doses de 4 a 8 mg/kg de Dropropizina reduzem a broncoconstrição induzida pela histamina. Entretanto, não apresenta efeito sobre o broncoespasmo induzido por acetilcolina. A Dropropizina, em doses elevadas, produz efeito hipotensor, por ação antiadrenérgica. Este efeito desaparece em até 24 horas, mesmo após a administração de doses de 30 mg/kg/dia, as quais excedem amplamente as doses terapêuticas habitualmente recomendadas.

Indicações de Dropropizina

O produto está indicado para o tratamento sintomático da tosse irritativa e improdutiva associada a várias condições respiratórias.

Contra-indicações de Dropropizina

A administração deste produto está contraindicada em indivíduos com sensibilidade conhecida à Dropropizina, com insufi ciência respiratória grave e hipotensão, em asmáticos e em crianças com menos de 2 anos de idade. Como qualquer outro antitussígeno, é contraindicado quando a tosse for necessária para a expectoração de secreções anormalmente excessivas ou de partículas estranhas.

Uso na gravidez de Dropropizina

Estudos em animais não mostraram danos fetais após a administração de Dropropizina. Entretanto, os achados clínicos em humanos são inadequados para estabelecer a segurança do uso na gestação. Portanto, deve-se evitar seu uso, principalmente no 1º trimestre e no fi nal da gestação. A Dropropizina não deve ser administrada a mulheres que estejam amamentando, pois poderá passar para o leite materno. A duração do tratamento antitussígeno deve ser tão curta quanto possível, em geral por poucos dias. Se os sintomas persistirem, a utilidade da medicação deve ser reavaliada. Em crianças de 2 a 6 anos, somente o uso limitado de um antitussígeno é recomendável.

Interações medicamentosas de Dropropizina

Álcool e depressores do sistema nervoso central podem potencializar efeitos adversos como hipotensão ortostática e sonolência.

Efeitos Colaterais de Dropropizina

Raramente são observadas nas doses terapêuticas recomendadas. Em casos de doses elevadas ou de hipersensibilidade, as reações mais frequentes poderão ser hipotensão ortostática e sonolência.

Posologia de Dropropizina

Xarope adulto Adultos e crianças acima de 12 anos: 1 copo-medida (10 mL), 3 a 4 vezes ao dia.
Xarope infantil Crianças de 3 a 12 anos: 1 copo-medida (10 mL), 3 a 4 vezes ao dia.